Patrimônio dos candidatos ao Governo da PB evolui consideravelmente


candidatos-governador-2014

Seis candidatos disputam o governo do Estado este ano na Paraíba. Dentre os postulantes, apenas o candidato Tárcio Teixeira, do PSOL, não disputou outra eleição nos últimos oito anos.

Levantamento feito pelo Portal MaisPB, a partir dos dados informados pelos próprios candidatos à Justiça Eleitoral, mostra que a parte dos concorrentes teve um aumento significativo em seus patrimônios.

O candidato do PSTU, Antônio Radical, disputou uma vaga na Câmara dos Deputados em 2006. Naquele ano, Radical disse não possuir bens. Passados oito anos, o candidato do PSTU ao governo da Paraíba, não auferiu nenhum crescimento no patrimônio, permanecendo, segundo ele, sem bens até hoje.

A maior evolução patrimonial coube ao candidato Major Fábio, do PROS. O deputado federal saiu do zero em 2006 e hoje chegou aos impressionantes R$ 339.000,00.

O governador Ricardo Coutinho, candidato a reeleição pelo PSB, teve seu patrimônio elevado em 243%, de 2008 pra cá. Em 2006, o socialista não disputou nenhum cargo eletivo.

Em 2006, o senador Vital do Rêgo Filho (PMDB) disse ter um patrimônio avaliado em R$ 436.530,72. Na época, o peemedebista era deputado estadual e tentava uma cadeira na Câmara dos Deputados. Este ano, como candidato ao governo, Vitalzinho declarou possuir bens em torno de R$ 976.556,45, o que lhe rendeu um crescimento de 123% em oito anos.

O senador Cássio Cunha aparece em 5º lugar no levantamento do MaisPB. Em 2006, o então candidato a reeleição ao governo do Estado possuía R$ 499.036,03 em bens. Hoje, o tucano declarou possuir R$ 874.430,46, ou seja, 75% a mais do quem há oito anos.

MAISPB

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *