Marcelo Pinheiro, um cajazeirense querido

Personagens que fizeram e que fazem a história de Cajazeiras

Marcelo José Furtado Pinheiro nasceu em Cajazeiras (PB) no dia 21 de janeiro de 1954. Era filho de Ana Rita Furtado Pinheiro e Severino Pinheiro e conhecido por ser uma pessoa extremamente inteligente e dedicado aos estudos. Foi aluno do Colégio Diocesano Padre Rolim e do Colégio Estadual Professor Crispim Coêlho.

Tinha paixão pela educação e, precocemente, começou a lecionar nos colégios Diocesano, Estadual, Nossa Senhora de Lourdes, em Cajazeiras, e no Colégio Agrícola de Lavras da Mangabeira (CE), culminando como docente da Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Cajazeiras (Fafic), quando ainda era aluno da instituição.

Com sua inquietude, espírito de liderança e inteligência, se envolveu de corpo e alma às lutas da história Associação dos Universitários de Cajazeiras (AUC), contribuindo para o sucesso de várias semanas universitárias promovidas pela entidade.

Foi casado com Rita de Cássia Moura Pinheiro e desta união nasceram Mara Betânia e Jéssica. Mara é casada com Alexandre Sena que lhe deu o neto Marcelo, sua grande paixão.

Marcelo, após a realização de um concurso público, foi aprovado para a Caixa Econômica Federal e, na sua carreira, trabalhou em Cajazeiras, Cuité, Teixeira, Patos e João Pessoa, onde se aposentou.

Marcelo Pinheiro faleceu no dia 18 de maio de 2018, no Hospital Nossa Senhora das Neves, em João Pessoa, depois de longa e ferrenha luta contra uma neoplasia.

COM INFORMAÇÕES DO GAZETA DO ALTO PIRANHAS

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *