José Aldemir chama renúncia do ex-prefeito Léo Abreu de covardia e traição


O deputado estadual José Aldemir (DEM) criticou, nesta terça-feira (17), a atitude do ex-prefeito de Cajazeiras Léo Abreu ao renunciar ao mandato. Para o democrata, a renúncia traduz covardia e traição.

“Ele traiu os companheiros e a sociedade. Deveria prestar contas. Lamento profundamente a renúncia de Léo Abreu, acho que ele cometeu um equívoco na sua vida pública. Renúncia traduz covardia e traição”, disse José Aldemir.

Segundo o parlamentar, a decisão de Léo Abreu em renunciar ao mandato contradiz tudo que ele prometeu durante a campanha. “Na campanha Léo passou para a sociedade sentimento de segurança, que ele viria implementar uma ação moderna em Cajazeiras, com um novo estilo, mas isso foi só enganação”, ressaltou o deputado.

Com informações do PolíticaPB.

Link

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *