Com salários atrasados, servidores municipais da Saúde devem paralisar atividades em Cajazeiras


A presidente do Sindicato dos Funcionários Públicos Municipais de Cajazeiras (Sinfumc), Elinete Loureço, anunciou, nesta quinta-feira (20), a paralisação das atividades da categoria da Saúde. Os servidores se manifestaram na sede da secretaria reivindicando o pagamento atrasado.

Segundo a sindicalista, a prefeitura ainda não pagou os salários do mês de novembro para algumas categorias, e revelou que a paralisação das atividades será iniciada já na próxima semana.

Elinete afirmou que os PSF´s, o Samu, os Caps e o Ceo ainda não receberam e reivindicou também uma data base para que os pagamentos mensais sejam efetuados pelo poder público.

Ela disse que, nesta quinta-feira, tentou dialogar com o secretário de Saúde Cristóvão Pinheiro, que sempre esteve de portas abertas a categoria, mas ainda não houve solução para o problema.

Prefeitura

O secretário de Governo e Articulação Política da prefeitura, jornalista José Anchieta, disse entender como normal o movimento realizado pelos servidores e afirmou está cumprindo uma programação, que seria finalizada neste dia 20, mas não foi possível concluir todos os pagamentos.

O secretário destacou que a folha da saúde é muito alta devido ao Plano de Cargos Carreira e Remuneração implantado já na gestão de Zé Aldemir, que foi negado em outras administrações.

“A prefeitura tem tido dificuldades em honrar a folha da saúde porque o Samu consome uma parte dos recursos porque o Estado não faz a sua parte. Há mais de 10 meses o Estado não repassa os 25%, então parte dos recursos da folha é destinado para não parar o Samu”, revelou Anchieta destacando que o 13º salário já foi pago a todos os servidores.

Ele ainda garantiu pagar o restante da categoria e concluir o pagamento das três folhas (novembro,13º e dezembro), até o dia 10 de janeiro.

COM INFORMAÇÕES DO DIÁRIO DO SERTÃO

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *