Chuvas deixam ruas intransitáveis na zona oeste e moradores cobram ação da Prefeitura


Moradores do conjunto Fátima Santos, no Bairro dos Remédios, zona oeste de Cajazeiras, reivindicam da prefeitura uma obra definitiva na Rua Francimeire Rolim de Albuquerque, pois, de acordo com os moradores, a rua fica quase intransitável quando chove.

A via pública não é calçada nem asfaltada. Por isso, quando chove, formam-se grandes poças na terra. Além disso, o tráfego fica pior por causa da irregularidade do solo. Segundo os moradores, basta uma chuva leve para alagar grande parte da rua.

“A dificuldade é diária. Está uma calamidade e só resolve calçando. Sai bastante gente com criança para a escola e é muito perigoso alguém cair e se machucar. Que a prefeitura venha e olhe por nós porque isso aqui é dever básico dela”, disse o morador Antônio Filho.

O secretário de Infrastrutura de Cajazeiras, José Filho, explica que a Rua Francimeire Rolim de Albuquerque é uma das 400 ruas que ainda não foram pavimentadas e que a prefeitura tem realizado intervenções pontuais programadas para amenizar os estragos causados pelas chuvas.

“A gente tem que, pacientemente, receber as reivindicações, fazer uma programação e ver de que maneira atuar. Essas intervenções no Bairro dos Remédios a gente está programando. Temos que conciliar as demandas do maquinário que a gente tem com zona rural e com cidade”, disse.

COM INFORMAÇÕES DO DIÁRIO DO SERTÃO

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *