A Faisqueira do Gazeta

Coluna semanal do jornal Gazeta do Alto Piranhas

VIA DOLOROSA O ex-prefeito de Bom Jesus, Evandro Brito, que está cumprindo pena em regime semi-aberto em Cajazeiras, segundo um respeitado conterrâneo seu, deveria ter em sua companhia as inúmeras pessoas carentes com quem ele distribuiu os recursos do município e que a justiça achou que ele errou. Disse ainda: “ele não tem hoje um pedaço de pau pra espantar um cachorro” e complementou: “lamento muito vê-lo numa situação desta”

DOIS PESOS E DUAS MEDIDAS Tem prefeito condenado, que ao invés de ir para a cadeia, sua pena foi transformada em prestação de serviços à comunidade. Tem amigo de Evandro dizendo que ele precisa mudar de advogado.

CONTESTOU O prefeito de Cajazeiras, médico José Aldemir, “contestou” uma matéria do GAZETA, com a seguinte manchete: “Vereador Jucinério Félix rompeu com o prefeito Zé Aldemir”. Ele disse que o correto seria: Prefeito Zé Aldemir rompe com o vereador Jucinério Felix. É um fato inusitado: o de prefeito romper com vereador, mas Zé faz questão de afirmar que o rompimento foi dele e não do edil cajazeirense. Novos tempos.

PEGOU FOGO A venda de camisas com estampa do presidente Bolsonaro bateu recorde. Os estoques das lojas de confecções de Cajazeiras foram esvaziados e repostos por seguidas vezes. Tem comerciante que continua vendendo e rindo a toa e um deles chegou até mudar de voto quando viu os bolsos cheios de grana. Alguns modelos foram vendidos até por 40 reais.

SEM DOIDEIRA  O deputado eleito Júnior Araújo acha que se o grupo tiver juízo vai ficar unido no futuro e conclamou o deputado reeleito, Jeová Campos,  para nas eleições de 2020 subirem no mesmo palanque, mas Jeová teria confidenciado aos amigos e correligionários que não haveria a menor possibilidade de um acordo com o grupo liderado por Carlos Antonio. O fato é que, em política, ninguém tem juízo.

MUDOU O VISUAL A ex-prefeita e ex-primeira dama de Cajazeiras, Dra Denise, mudou de visual. Os longos e belos cabelos loiros foram aparados e o que restou foi pintado de preto. As mulheres, como sempre, foram as que deram mais “pitaco” no novo visual, mas a maioria aprovou.

CHAMOU PRA BIRGA O prefeito de Cachoeira dos Índios, Alan Seixas, teria dito que a sua vice-prefeita, Guia da Farmácia, não jogou cerveja na sua cara, mas nos seus pés. Um cachoeirense comentou: se foi na cara era só refrescar o calor, mas se foi nos pés, ela chamou pra brigar. Guia para receber seus proventos tem sido obrigada a fazer plantão na porta da prefeitura. Pense numa mulher valente. Parece que essa “birra” entre os dois vai longe.

DEFENDENDO O SEU PIRÃO O vice-prefeito de Cajazeiras, Marcos do Riacho do Meio, está em plena campanha pela manutenção da Secretaria de Agricultura, que o prefeito Zé Aldemir quer extinguir. Vale lembrar que o titular desta secretaria é uma filha sua, portanto, ele não quer ver diminuído a quantidade de pirão de seu prato.

SEM RUMO E SEM PRUMO Um agente da Polícia Civil, da região de Cajazeiras, desde o momento em que foi anunciada a vitória de Jair Messias Bolsonaro, para presidente do Brasil, começou a beber e até hoje não parou ainda. Quando tá ficando bom, enche a cara de novo. Sem medo de ser feliz, grita na porta da delegacia: “é Bolsonaro, é Bolsonaro, é Bolsonaro!!!” Pense num cidadão feliz.

BARATA DE SACRISTIA Correligionário e forte eleitor de Zé Aldemir tem divulgado aos quatro ventos que ele precisa urgentemente se livrar de “várias baratas de sacristia” que se instalou no seu governo e que já teria dito a ele, inclusive citando nomes. Desinfetante e veneno para matar barata é o que não falta nas casas comerciais de Cajazeiras.

VIA GAZETA DO ALTO PIRANHAS

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *