A Faisqueira do Gazeta

Coluna semanal do jornal Gazeta do Alto Piranhas

COISAS DE CAJAZEIRAS
TERMINAL DE PASSAGEIROS DE CAJAZEIRAS / FOTO: DIVULGAÇÃO

MOVIMENTO INTENSO NO AR O aeroporto de Cajazeiras  nos últimos dias, tem sido utilizado para pouso e decolagem de muitos aviões, principalmente para transportar os candidatos que estão em plena campanha, até mesmo durante a noite. Vamos aguardar se eleitos vão lutar para que a cidade volte a ter suas linhas aéreas.

PROMESSA  O senador José Maranhão tem dito aos empresários de Cajazeiras, que se eleito, as linhas aéreas comerciais voltarão a ser uma realidade. Vale lembrar que foi ele que construiu a pista, que serviria apenas para pousar teco-teco, mas depois de novos estudos, ficou comprovado o que dizia Zé Maranhão: “a pista tem capacidade para receber aviões de porte médio”. Falta ouvir os outros candidatos.

DANDO AULA  Quando Dra. Denise foi eleita prefeita de Cajazeiras, a campanha foi toda feita em nome de seu marido, Carlos Antonio, que renunciou a sua candidatura de última hora para dá lugar a Dra. Denise. Seguindo o exemplo de Cajazeiras, agora querem fazer a mesma coisa com Lula, mas tudo leva a crer que não vai dá certo. Ô Cajazeiras boa!

DE CORPO E ALMA  O deputado estadual Jeová Campos, além de ter colado no governador da Paraíba, Ricardo Coutinho, pelas suas andanças pela Paraíba, em Cajazeiras, a sua “turma de choque” tem caído em campo e até o momento tem sido a campeã em eventos de ruas, liderados pelo vereador Marcos Barros e seu irmão Marquinhos Campos, que tem se revelado como um grande orador.

DE CORPO E ALMA  Até o momento a campanha de Jeová, em Cajazeiras, é a que tem um maior volume. Os seus aliados têm caído em campo de corpo e alma, com um suporte financeiro que não deve ser pequeno. É aquela velha história: aonde tem dinheiro, rio cheio e outras “coisitas” saia da frente.

SÚPLICAS PELO BRASIL  Dom Francisco, bispo de Cajazeiras, quer que todas as paróquias, neste dia sete de setembro, façam uma reflexão sobre a situação do Brasil e que rezem por todos os brasileiros, principalmente neste momento no qual “o nosso país é sacudido por uma profunda crise ética e moral”

SÚPLICAS PELO BRASIL  Em sua mensagem disse ainda: “ não podemos simplesmente fazer festa, ignorando as faces das escravidões que nos oprimem e que têm sua raiz no egoísmo e no pecado que corrompe, que macula nossas relações com os semelhantes e com Deus, que desfigura o sentido da responsabilidade pela construção e promoção do bem comum, gerando graves conseqüências para o presente e para o futuro das pessoas, das famílias, das instituições e de todo o tecido social”.

SUBINDO A SERRA  Dra. Paula, candidata a deputada estadual, não satisfeita apenas com os votos do sertão e do litoral, subiu a Serra da Borborema e conseguiu o apoio de ex-deputado campinense Walter Brito, que deve ter tido o dedo do deputado federal Aguinaldo Ribeiro.

EM SILÊNCIO  Quem tem feito um trabalho de “formiguinha” e em silêncio é a vereadora Léa Silva, em defesa de seu candidato a deputado federal, Efraim Filho, que sofreu com o pequeno número de votos, a exemplo de todos os outros candidatos, na última eleição, provocado pelo furacão chamado Antonio Gobira, que este ano parece mais ser uma pequena ventania. Ela trabalha para duplicar os votos da última eleição.

CLIMA DE PAZ  Quem esteve na Vila de Engenheiro Avidos foi o ex-prefeito de Cajazeiras, Carlos Antonio, levando consigo seu candidato a deputado estadual Júnior Araújo, sendo recebido pelo ex-vereador Valderi Dias e sua esposa Nega. Foi uma festa, com direito a passeata, diferente do dia da eleição para prefeito, em 2016, onde o clima era de guerra e quando foi “recomendado” a sequer descer do carro. Deo Gracias.

APOSTAS   Tinha  gente cantando de galo na câmara municipal de Cajazeiras para apostar no número de votos que os candidatos a deputado estadual da cidade vão tirar. Quando Alysson Voz e Violão pôs em cima da mesa cinco mil reais no nome de Jeová, quem queria Júnior, amarelou e desapareceu. O que não tem faltado na cidade são as tradicionais apostas e já são muitas.

VIA GAZETA DO ALTO PIRANHAS

3 Comments

  1. Roberval Moreira
    09/09/2018

    Eu fiz um levantamento da população no raio de 100 km próximo de cajazeiras de cidades do Rio Grande do Norte e Ceará tendo como fonte o IBGE e população ultrapassa os 600 mil habitantes, portanto a viabilidade econômica desse aeroporto funcionar com linhas aéreas e total, veja também a população da regional de cajazeiras e Sousa ultrapassa os 300 mil habitantes. Portanto esta faltando alguem em cajazeiras que tenha conhecimento em saber desse grande potencial que a terra do padre Rolim tem por ser uma cidade fronteira e que polariza viárias cidades em seu entorno.

  2. Paulo Roberto
    10/09/2018

    Realmente também fiz uma pesquisa no IBGE da população até 100 KM das cidades próximas da terra do Padre Rolim com o Ceará e Rio Grande do Norte, cidades estas que ficam bem mais próximas de Cajazeiras duque Juazeiro do Norte CE. E na soma das cidades que eu pesquisei passou dos 745 mil. faltando pesquisas outras cidades da Paraíba e região do Católe do Rocha e Pombal, a pesquisa inclui a Região de Cajazeiras e Sousa. então o que o Roberval informou esta correto, falta os Cajazeirenses ter essa idéia e convicção do grande potencial da terra do Padre Rolim por se tratar de uma cidade que faz fronteira com três estados, e sua população em seu entorno e muito grande e por isso é muito importante saber que o que se implantar em Cajazeiras no comercio de prestação de serviços e consumo será apenas demandada não apenas pela população de Cajazeiras e sim pela população de seu entorno. Então a viabilidade de Cajazeiras ter voos comercial é plena por se tratar de uma cidade pólo.

  3. Marcia Sousa
    11/09/2018

    Eu vejo Cajazeiras com um potencial muito grande para ser explorado, como ter linhas comerciais, ter seu novo hospital universitário, zona franca do semiárido e universidade do sertão, justamente por ser uma cidade fronteira e cidade pólo e ter essa população muito grande ao seu redor.

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *